• Linha de Aconselhamento Psicológico
  • Linha de Aconselhamento Psicológico

    Voltar
    21/04/2022

    Linha do SNS 24 já atendeu mais de 150 mil chamadas desde o dia 1 de abril.

    A Linha de Aconselhamento Psicológico (LAP) do SNS 24 já atendeu mais de 150 mil pessoas desde o dia 1 de abril, quando foi criada, e, de acordo com o Presidente do Conselho de Administração da SPMS – Serviços Partilhados do Ministério da Saúde, Luís Goes Pinheiro, “Vai-se manter porque tem provado a sua mais-valia”.

    Criada no início da pandemia, a LAP vai manter o serviço, agora também em inglês. “Foi criada em contexto de pandemia, muito associada à necessidade de dar um acompanhamento às pessoas mais na fase inicial da pandemia”, sublinhou o Presidente da SPMS, adiantando que as cerca de 200 chamadas diárias provam que este serviço constitui uma “mais-valia em todos os contextos” e que é “útil aos portugueses e aos residentes em Portugal”.

    A LAP passou a disponibilizar, a partir de ontem, dia 20 de abril, o serviço também em língua inglesa devido à procura crescente dos serviços do SNS 24 que já existiam em inglês, como a triagem, mas também pelo facto de Portugal estar a receber cidadãos ucranianos e estrangeiros residentes naquele país, devido à guerra, afirmou Luís Goes Pinheiro.

    “Em 2021, tivemos cerca de 85 mil chamadas em que o utente procurou ser atendido em inglês na área da triagem e este ano já vamos quase em 50 mil”, referiu o Presidente da SPMS, destacando que este serviço em língua inglesa pode ser também “uma grande mais-valia” para as pessoas que chegam a Portugal oriundas da Ucrânia, tendo em conta que a linha de aconselhamento psicológico atende pessoas com sintomatologia associada à ansiedade, à depressão e adaptação a situações de crise.

    “Isso é exatamente aquilo que essas pessoas que chegam de um teatro de conflito carecem. Desse ponto de vista, é mais um suporte dado às pessoas que não dominam a língua portuguesa”, acrescentou Luís Goes Pinheiro, realçcando o papel da Ordem dos Psicólogos na determinação dos algoritmos clínicos que são usados no serviço.